Pular para o conteúdo

Igualdade Racial em Niterói

Neste curso discutiremos temas conceitos, legislações, temas, práticas e pedagogias antirracistas no Brasil, com olhar específico sobre as relações étnico-raciais na escola, em particular na cidade de Niterói

INSCREVA-SE

Inscrições pendentes

Sem inscrições pendentes

Retornar para a loja

Informações do curso

Modalidade: Curso On-line – Aulas e materiais disponibilizados na plataforma da EGG e de início Imediato.
Público alvo: Exclusivo para profissionais da rede de educação da Prefeitura de Niterói
Carga horária: 20 h

 

Ementa

  • Relações raciais no Brasil: desafios e perspectivas;
  • Racismo: Conceito e história;
  • Políticas de Ações Afirmativas;
  • Pedagogia Antirracista – Experiências;
  • Filosofia Africana: uma introdução;
  • Quilombos: uma introdução;
  • Literatura afro-brasileira;
  • Desigualdades em educação por raça e gênero;
  • Desigualdades educacionais em Niterói;
  • Igualdade racial e Projeto Político Pedagógico;
  • Currículo e Relações Étnicos-Raciais;
  • Educando pelas Culturas Indígenas;
  • Relações Raciais e Educação Infantil.

 

Instrutores

Cristiane Gonçalves
Professora de História da rede municipal de Educação de Niterói; doutora em Educação pelo Proped/UERJ, conselheira titular no Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial, atualmente coordena a Coordenação de Educação na Diferença / SSPCA SME Niterói.

Diego de Matos Gondim
Professor e pesquisador da Universidade Federal Fluminense, no Instituto do Noroeste Fluminense de Educação Superior. Tanto em sua dissertação de mestrado (Unesp) quanto em sua tese de doutorado (Unesp e Université Paris 8), vem buscando pensar o quilombo como uma experiência ética, estética, política e econômica que escapa de uma racionalidade colonial no Brasil.

Douglas Leite
Professor da Faculdade de Direito da Universidade Federal Fluminense. Doutor em História Social pela Universidade de São Paulo. Integra o Centro de Ciências Sociais Históricas de estudos sobre Desigualdades Globais (CDG/UFF). É membro permanente do Programa de Pós-Graduação em Justiça Administrativa e Docente do Curso de Tecnólogo em Segurança Pública e Social (INCT-InEAC UFF/ Fundação CECIERJ). Coordena o projeto “Gestão Municipal da Igualdade Racial” – GIRA/Niterói.

Fernanda Fran Back
Doutora e Mestre em Educação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Especialista em Literatura Infanto-juvenil pela Universidade Federal Fluminense. Graduada em Letras (Português/Literaturas). Professora da Rede Municipal de Educação de Niterói, atualmente é Coordenadora Geral do Sistema de Bibliotecas Populares de Niterói.

Fernando de Sá Moreira
Doutor em filosofia pela PUCPR e professor de filosofia da educação na Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense. Desenvolve duas frentes de pesquisa: Filosofia Africana e Afrodiaspórica, em especial a história do filósofo Anton Wilhelm Amo; e Doutrinas de identidade pessoal no pensamento de Arthur Schopenhauer e Friedrich Nietzsche.

Flavia Rios
Doutora pela Universidade de São Paulo (USP), professora de Sociologia da Universidade Federal Fluminense e integrante do Programa de Pós-graduação em Sociologia na mesma instituição (PPGS/UFF). Além disso, é pesquisadora do Negra/UFF, do Afro/Cebrap e coordena o Projeto Gestão da Igualdade Racial em Niterói.

Gloria Anselmo
Graduada em Pedagogia – Administração, Supervisão e Magistério pela UNIVERSO, Especialista em Alfabetização e Relações Raciais, mestre e doutora em Educação pela UFF. Professora aposentada da SEEDUC, onde atuou como regente dos anos iniciais, no curso Normal de Nível Médio. Atuou também como docente no ensino superior (UERJ, ISAT, UNIVERSI, CEDERJ). É Pedagoga concursada da Rede municipal de Educação de Niterói. Atualmente, é subsecretária de Igualdade Racial em Niterói, no âmbito da SMDH.

Henrique Moreira
Mestre em Sociologia pela UFF, doutorando em Ciências Humanas no Programa de Pós-graduação em Sociologia e Antropologia da UFRJ e é pesquisador no projeto “Gestão Municipal da Igualdade Racial” – GIRA/Niterói.

Joana Oliveira
Professora da Rede pública municipal de Niterói. Atua na Educação Infantil. Mestre e doutoranda em educação pela Universidade Federal Fluminense. Integrante do GEPAEP. Identifica-se como Professora pesquisadora Negra. Idealizadora da página: @escrevervivenciaspretas.

Juliana Vinuto
Pesquisadora de pós-doutorado pelo Programa de Pós-Graduação em Antropologia da UFF. Doutora em sociologia pela UFRJ, com estágio doutoral de um ano no Centre de recherches sociologiques sur le droit et les institutions pénales (CESDIP – França). Mestre em sociologia e graduada em ciências sociais, ambos pela USP.

Lana Potiguara
Estudante de Pedagogia na Universidade Federal Fluminense, artista, ativista indígena da etnia Potiguara e LGBTQIA+. Seus trabalhos versam sobre estereótipos e pedagogias antirracistas.

Mateus Almeida
Graduado em Ciências Sociais pela UFF com período sanduíche na Universidade Eduardo Mondlane (UEM-Moçambique). Professor de Sociologia na Secretaria de Educação do Estado de Alagoas e pesquisador vinculado ao Núcleo Afro do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (AFRO/CEBRAP) e a Gestão da Igualdade Racial (GIRA/UFF).

Raquel Guilherme de Lima
Professora do departamento de sociologia e metodologia das ciências sociais da UFF e pesquisadora do Grupo de Estudos sobre Desigualdades Estruturantes (Desestrutura/CNPq). Doutora em sociologia pelo Iesp-UERJ, mestre em sociologia pelo antigo Iuperj e bacharel em ciências sociais pela UFMG. Dedica-se a trabalhar com os seguintes temas: desigualdades sociais, educação, trabalho e trajetórias.

INSCREVA-SE

Você já fez o curso?

Que tal deixar uma avaliação do que achou para estimular outros servidores a fazer também?

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Igualdade Racial em Niterói”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo